Tratamentos e bons métodos de construção não conseguem impedir uma infestação por completo. Os proprietários de imóveis em áreas com grande incidência de cupins têm de ficar atentos em busca de sinais desses insetos. Normalmente, o primeiro sinal de infestação é o surgimento de um enxame. Se encontrar alados dentro de sua casa, eles provavelmente entraram pelas paredes, o que faz disso um sinal certo de que há cupins em sua casa. Caso o enxame esteja do lado de fora, especialmente se estiver vindo de um pedaço de tronco ou árvore, a infestação, contudo, pode não ter chegado a sua casa ainda. Os alados podem ser bem parecidos com formigas.

Veja como diferenciá-los:

  • Formigas têm cintura fina. Cupins, não;
  • As asas anteriores das formigas são bem mais longas do que as posteriores. As asas de cupins têm o mesmo tamanho e podem repousar sobre toda a extensão de seu corpo;
  • As antenas das formigas são tortas. As antenas dos cupins não se dobram e parecem uma corrente de pérolas bem fina.
Cupins

Aqui vão outros sinais comuns de infestação de cupins em casas:

  • Asas: os alados perdem suas asas logo após o enxame. Quando os alados estão dentro de casa, normalmente perdem as asas sobre peitoris de janelas ou perto de lâmpadas.
  • Madeira em decomposição: os danos causados por cupins geralmente seguem a granulação da madeira e eles também revestem a madeira danificada com solo. Danos causados por outras fontes, como água ou fungos, não seguem esse padrão.
  • Tubos de abrigo: os cupins escavam tubos em blocos de construção, concreto, tijolos e outras superfícies para chegar até a madeira. Às vezes, se abrir os tubos, verá operários vivos lá dentro.
Cupins
Fotógrafo: Steffen Foerster | Agência: Dreamstime.comAsas de cupim separadas são um sinal certo de infestação

O estrago causado pelos cupins acontece de dentro para fora, e por isso pode ser difícil detectar uma infestação. Caso a madeira em sua casa soe oca quando você bate nela com um martelo, pode haver cupins lá dentro. Outra alternativa é usar uma chave de fenda ou furador de gelo para sondar qualquer lugar em que acredite haver cupins. Esse método revela se há madeira danificada e até se os próprios cupins estão no local. Tratar uma infestação de cupins requer um exterminador profissional.

Fonte: Tracy Wilson – HowStuffWorks – Como funcionam os cupins – Publicado em 11 de setembro de 2007 (atualizado em 17 de julho de 2008)
http://ciencia.hsw.uol.com.br/cupim6.htm (16 de outubro de 2009)